• Rua José de Jesus, 16 - São Paulo-SP

História da Portaria Virtual

  • Delta Omega Tecnologia
  • (11)3777-9132
  • (11)3501-1429

História da Portaria Virtual

215

Portarias Ativas

19495

Moradores atendidos

20

Anos de mercado

115

Colaboradores Ativos

História da portaria remota esquema

A História da portaria virtual começa com a primeira Portaria Virtual implantada pela DeltaOmega, sem porteiro e com atendimento remoto no ano de 2010.

Tudo começou no Condomínio Ourania 77, que tinha acabado de ser entregue pela construtora IDEA ZARVOS, no bairro da Vila Madalena em São Paulo. Na época o sistema não tinha nome de Virtual ou Remota. Os moradores queriam um sistema de segurança avançado e personalizado (Sem Controle do Porteiro na Portaria), pois estávamos na época dos Arrastões a Condomínios. (O Porteiro deveria atender a distância para não ser rendido)

História da portaria remota news

O Sistema deveria possuir controle de acesso independente para os próprios moradores acessarem os portões de pedestres e veículos, câmeras de vigilância + alarme perimetral + botões de pânico dentro das unidades monitorados na Central 24horas, através de 01 link de internet e alarme GPRS Celular.

O PABX deveria proporcionar o atendimento dos visitantes e abrir os portões via discagem direta para a Central 24horas, fora do condomínio e também de forma paralela pelas unidades. Esta comunicação era realizada por duas linhas telefônicas dedicadas ao sistema.

Na primeira fase da História da portaria virtual o Porteiro deveria ficar fora do condomínio, operando e atendendo remotamente, a distância, dentro da Central 24horas, justamente para não ter o risco de ser rendido e dominado.

Para viabilizar os custos este Porteiro poderia compartilhar o atendimento com outros condomínios, desta forma o Valor do serviço mensal deste Sistema de Segurança com porteiro atendendo a distância, foi reduzido em 60% em relação ao valor de uma Portaria Presencial. (Em momento algum o projeto foi criado para reduzir custos e sim melhorar a segurança, mas esta vantagem impulsionou o mercado).

História da portaria remota  soluções
soluções portaria remota

Apresentamos o projeto para a sindica Sra. Karina e também para o pessoal do conselho.  Foram quatro reuniões com os moradores e ajustes para fechar o contrato em 15 de abril de 2010, nascendo a primeira Portaria Remota, que batizamos mais tarde de Portaria Virtual, pois já existiam serviços similares nos Estados Unidos e Europa através das empresas, como a Virtual Door Man.

O Projeto foi um sucesso e a construtora Idea Zarvos e a administradora Paraiso, apresentaram a novidade para os condomínios vizinhos, que acabaram fechando com a DeltaOmega, sendo: Condomínio Simpatia, 236 e Condomínio Fidalga, 727, no mesmo bairro da Vila Madalena.

Vale lembrar que em momento algum arriscamos na implantação da primeira Portaria Virtual. A DeltaOmega na época com seu sócio fundador, Rui Costa, já possuía 13 anos no mercado de segurança eletrônica e com muita experiência nos bastidores das empresas terceirizadoras de mão de Obra de Vigilância e Portaria, com as empresas que prestou serviços: Septem, Estrela Azul, Belfort, Protege, Muralha entre outras.

Tínhamos certeza absoluta que iria funcionar, pois já tínhamos implantado várias Portarias Blindadas dentro de condomínios que retirava o Porteiro da Guarita e criava uma sala de segurança indevassável, modelo bunker no interior do prédio, subsolo, mezanino ou na garagem. O Porteiro realizava o atendimento e falava ao interfone, visualizava câmeras, abria portões, sem sair da sua Sala de Segurança, mas ainda continuava dentro do prédio.

Sendo assim, já sabíamos como instalar uma grande infraestrutura com dezenas de cabos pelo condomínio, instalar infra dentro do poço do elevador, passar cabos pelas prumadas dos apartamentos. 

Sabíamos como solucionar problemas com as distancias dos leitores de controle de acesso, acabar com as interferências e ajustar o “delay das câmeras” para acionamento remoto dos portões. 

Desta forma o projeto foi todo bem planejado com muita responsabilidade e vários processos e planos de contingência foram criados para tomada de providências em caso de panes.

Apesar do sucesso nas primeiras páginas da história da portaria virtual, colegas de outras empresas não entraram imediatamente no setor após surgir a DeltaOmega na Portaria Virtual. Poucas empresas queriam atuar com portões de veículos, serralheria, fechaduras, interfones, controle de acesso ligado ao PABX ou trabalhar com telefonia.

Quer conhecer a empresa? Marque uma visita

MUDANÇA DE PARADIGMA NA HISTÓRIA DA PORTARIA VIRTUAL

Esta mudança de valor e crença no “Porteiro dentro da Portaria” nunca foi visto com bons olhos pelos síndicos, administradoras e consultores de segurança. Aliás pra quem conhece e trabalha nos bastidores da vida de um profissional de PORTARIA, sabe como a Portaria é frágil e sem estrutura.

Basta imaginar a dificuldade de trabalhar em um espaço mínimo de 4 metros quadrados, confinado, tendo que almoçar e jantar sobre a sua mesa da portaria, sem poder ir ao banheiro sossegado, sem tempo pra descasar, numa rotina de turno de 12horas contínuos. Se o portão quebra, este profissional deve sair da portaria e ficar abrindo e fechando de baixo de sol, chuva, frio, arriscando a ser rendido fora do seu posto. 

Entre outros problemas o Porteiro, sempre é ameaçado, coagido e xingado pelos moradores quando ele impõe alguma regra de segurança. Como isso este profissional adquire problemas prejudiciais a sua saúde psicológica, mental e física, como falta de atenção, fadiga constante, falta de concentração, postura, coluna, cárdio, que acabam sempre em processos trabalhistas, com toda a razão.

A história da portaria virtual , transferiu o Porteiro deste ambiente nocivo a o levou para uma Central Ampla de Operações. Com turnos adequados, sala climatizada, trabalhando paralelamente com outros profissionais, com tempo pra descanso, tempo pra almoçar e jantar fora do atendimento, pode ir ao banheiro de forma tranquila, possui supervisão, ginástica laboral, alongamento e agora possui plano de carreira, enfim…

Na Central 24horas este profissional recebe orientação, treinamento constante, pode tirar dúvidas e raciocinar com segurança na tomada de decisões ao seguir protocolos de tomada de providências, pois tem o apoio dos líderes e gerentes da Central.

A História da portaria virtual e novo serviço.

Gradativamente os condomínios foram reconhecendo os benefícios da Portaria Remota, conversando com seus vizinhos e amigos. Hoje se tornou um serviço essencial, seja pra condomínios residenciais, empresas, prédios comerciais e indústrias, onde existir um Porteiro, este serviço pode ser realizado a distância.

Com o tempo, outras empresas também entraram no setor e criaram sua própria história da portaria virtual e até chamaram de Portaria do Futuro, Portaria Remota, Portaria Inteligente, enfim… O conceito é retirar o Porteiro da Portaria e prestar serviços de forma remota.

A grande procura pela Portaria Virtual começou em 2015 e hoje existem dezenas de empresas se especializando e entrando nesta área em busca de milhares de condomínios, empresas, indústrias, prédios comerciais. 

A ABESE (Associação das Empresas de Segurança Eletrônica) criou um comitê das empresas de Portaria Remota, para avançar na homologação destes serviços, para gera qualidade e certificação, pois o mercado é muito promissor

EQUIPAMENTOS UTILIZADOS HÁ 10 ANOS ATRÁS

O Sistema de gerenciamento de câmeras escolhido foi o famoso Geovision, que na época enviava suas imagens para nossa Central 24horas para nosso servidor com o Software Geocenter, gravando e monitorando 24horas as imagens das 16 câmeras instaladas.

O Controle de acesso dos moradores pedestres, era realizado por Senha + Tag da marca NIBTEC, acionando as fechaduras elétricas (ainda não usávamos as fechaduras eletromagnéticas), mas já existia a senha de coação monitorada remotamente e intertravamento nos portões. Da mesma forma as portas internas da torre e acesso as escadarias eram controladas.

O Atendimento dos visitantes e prestadores, bem como toda a interfonia do condomínio era realizado pela Maxcon e Intelbras e pelo consagrado interfone XPE 1013. A comunicação era através de linha telefônica discada e as imagens monitoradas via Link WEB da operadora NET.

Todos os apartamentos tinham comunicação com a Central 24h DeltaOmega, sensor de alarme contra invasão e botão de pânico silencioso. O Condomínio era protegido por cerca perimetral e sensores de feixe, gerenciados pelo Painel de Alarme da marca NAPCO monitorado 24h por linha telefônica e GPRS celular.

O Acesso de veículos era controlado pelo Módulo Guarita da empresa Linear, que ainda ensaiava a entrada para reportar pânico (identificado pelo morador), pois na época só acionava e identificava alarme localmente. Mas já possuía o eficiente intertravamento entre portões.

Trabalhamos com sistema de drone! Veja mais aqui.

Logo DeltaOmega Portaria remota e virtual

Solicite um
orçamento